terça-feira, 2 de novembro de 2010

AGORA É CINZA . . .










SINFONIA DA DESTRUIÇÃO . . .







Importante marco histórico e arquitetônico do município, o Solar da Baronesa de Dourados constituia o único remanescente da arquitetura residencial urbana preservado pelo IPHAN(Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), desde a década de 1960.
O edifício, construído quando houve a implantação da malha ferroviária e a expansão da economia cafeeira no interior paulista, apresentava uma técnica construtiva peculiar, com taipa de pilão(pavimento térreo), taipa de mão(divisórias internas) e alvenaria de tijolos(andar superior).

VEJA MAIS AQUI
http://www.visiterioclaro.com.br/museuamador2.htm

Filme com comentários sobre o incêndio . VEJA AQUI

http://www.youtube.com/watch?v=O7pfO3gZwzE&feature=player_embedded#!





2 comentários:

Rose Frizeira Figueiredo disse...

Gostei das fotos e dos ângulos. esntendo pouco de fotografia. meu marido fez o curso e me explicou algumas coisas...bjos lindos e ótima quarta-feira.

Gaspar de Jesus disse...

Apetece dizer, E TUDO O FOGO LEVOU.
É pena que seja assim.
Abç
G.J.